Seja muito bem-vindo ao Copo de Letras!! Sirva-se sem moderação. ;)

quinta-feira, 14 de novembro de 2013

Parece dom e é mesmo


O preço de ser forte é ser solitário
Gente forte é feito bicho desconfiado:
quer colo, mas afia as garras;
quer cuidado, mas não confia em quase ninguém
Gente forte é forte porque aprendeu a se virar sozinha,
desaprendeu a ser ajudada_ embora precise de ajuda
O ônus de ser corajoso
é nunca se dar o direito de desistir,
é exigir-se incansável ainda que haja tantas perdas pelo caminho
Gente corajosa destoa
Quer poupar a dor alheia com o maior abraço que for possível,
tem o amor mais forte que a própria força
e essa força assusta porque
gente comum não encara a vida,
gente comum desiste e para
O ônus de ser corajoso
é chorar madrugadas adentro
e enfrentar os dias com a armadura indelével,
sem ceder à amargura
e fazer as pessoas do seu convívio darem risadas, eis o desafio!
Gente forte é feito bicho arredio
que já sofreu demais e apanhou muito
Por isso não se entrega facilmente,
abre-se para as palavras
e tantas vezes as abraça e recosta-se nelas para dormir
O preço de ser forte é ser artista
Sorrir quando tudo por dentro chora
Representar a coragem quando o medo acontece
fascinando e assustando gente comum
implodindo a exaustão nas coxias da vida
Sua coragem não se mede pelos prêmios que conquista
Sua força reside na frágil docilidade,
na meiguice que não se contamina com o azedume dos derrotados
O ônus de ser artista é ser incompreendido:
Um ser tão forte que assusta
Tão verdadeiro que se isola
Tão cheio de amor que espera
Todo artista é um grande desafio
que só outro grande artista aceita.

Um comentário:

Djane Assunção disse...

Que poesia linda! Realmente ser forte, significa muitas vezes abdicar de coisas importantes, em outras lutar incansavelmente pelos desejos seus e dos que tu amas. Mesmo que no fim não possas ser uma pessoa compreendia. Parabéns, excelentes palavras.