Seja muito bem-vindo ao Copo de Letras!! Sirva-se sem moderação. ;)

quinta-feira, 18 de fevereiro de 2016

Caminhos


Amo o caminho que estendes por dentro das minhas divisões
Amo as avenidas bem iluminadas que inauguras
por entre as minhas fortalezas de escuridão
E também amo as ruas de pedrinhas coloridas
que têm as mesmas cores dos olhos teus quando sorris
Amo o caminho que estendes dentro das minhas confusões
Amo as pontes floridas que desenhas com as pontas dos dedos
e as autopistas que descobres sob meus segredos
Amo as tuas asas imensas
que atravesssam os sete céus para me ver dormir
E não sei se amo delirar com todo esse amor que não existe,
que criei para me manter respirando
Odeio caminhar por esse caminho insano,
jamais estendido dentro das minhas explosões
Meus destroços que têm mais de mil sonhos e vontades
que morrem sempre em mais de mil solidões.

Nenhum comentário: